“Poder Paralelo” alcança excelente audiência na Record

A reta final de “Poder Paralelo” vem alcançando excelentes índices de audiência para a Record. O folhetim de Lauro César Muniz chega ao fim na próxima terça-feira (02) e cederá espaço para “A História de Ester”.
Na última sexta-feira (26), a novela protagonizada por Gabriel Braga Nunes garantiu 14 pontos de média, isolando-se na vice-liderança. O SBT ficou em terceiro lugar, com 6 pontos, e a Globo liderou o ranking do Ibope com 17.
Esses índices são prévios e baseados na preferência de um seleto grupo de telespectadores da Grande São Paulo.
Anúncios

Lauro César Muniz diz que falta diálogo por parte da administração do Recnov

O novelista Lauro César Muniz, autor de “Poder Paralelo”, revelou, em entrevista à jornalista Fábia Oliveira, do UOL, que a estrutura do RecNov, complexo de estúdios da Record no Rio de Janeiro, é excelente, porém falta diálogo por parte da administração da emissora. “O RecNov é um espaço de produção de excepcional qualidade. Falta apenas a atual administração entender que os autores, atores, atrizes, diretores e técnicos precisam de diálogo. Temos muito a contribuir com nossa experiência, podemos ajudar a emissora a crescer”, conta.


Autor reclama de mudanças de horário
Divulgação

Muniz ainda criticou as constantes mudanças de horário pelas quais a novela “Poder Paralelo” passou. “Não se pode prejudicar uma novela como “Poder Paralelo” alterando constantemente seu horário de exibição e fracionando o tempo dos capítulos para servir a reality shows que não são a base fundamental da programação”, lamenta.

O autor ainda disse que alguns percalços fizeram com que a trama perdesse um pouco da qualidade. “A Patrícia França, a Maria Ribeiro e a Beth Coelho engravidaram durante a novela. Com isso tive que desviar o rumo das personagens que elas viveram. Eu mesmo tive um estresse por volta do capítulo 70, fiquei um pouco afastado da novela, que sofreu uma queda de qualidade e, consequentemente, de audiência. Cheguei a pensar que tivesse perdido a novela, mas, sob cuidados médicos recuperei minha vitalidade”.

Quando questionado se “Poder Paralelo” exagerou nas cenas de ação e violência, Muniz discorda. “Não houve exagero. Poder Paralelo se insere em um gênero que agrada pela ação forte: o gênero policial, vertente máfia tão explorado pelo cinema”.

“Poder Paralelo” chega ao fim no próximo dia 2. A trama tem média geral de 11 pontos na capital paulista até o momento. Um dos pontos altos guardado a sete chaves pelo autor é a revelação de quem é o guri, serial killer da trama. “O Guri pode ser homem ou mulher, baixo ou alto, ser do grupo do Bruno ou do Tony, heterossexual ou homossexual”, brinca Muniz.

Serial killer de “Poder Paralelo” na verdade são duas pessoas Serial killer de “Poder Paralelo” na verdade são duas pessoas

Uma novidade agitará as investigações da polícia nos últimos capítulos de “Poder Paralelo”. Ao contrário do que muitos acreditavam, na verdade são dois serial killers que fazem o papel de Guri na novela de Lauro César Muniz.


Cena revelará que são dois serial killers na trama
Divulgação/TV Record

A revelação será feita ao publico na cena em que dois assassinos invadem juntos a casa de Lígia (Miriam Freeland). Porém, uma das intenções do novelista é confundir ainda mais a cabeça dos telespectadores e guardar a revelação de quem são os assassinos da trama para o último capítulo. Para isso, no penúltimo dia da novela, irá ao ar a cena em que Khalid (Fernando Pavão) mata Sérgio (Ricardo Petraglia) com um tiro na testa, imitando a tática de Guri. Esse poderá ser um dos indícios de que Khalid é um dos assassinos secretos ou apenas uma forma de despistar os verdadeiros serial killers.

“Poder Paralelo” chega ao fim na próxima terça (2).

Com informações do jornal Extra.

Personagem de Paloma Duarte ficará grávida em “Poder Paralelo”

A personagem de Paloma Duarte, a atriz Fernanda, aparecerá com barrigão na reta final de “Poder Paralelo”. De acordo com o jornal Extra, a trama contará com uma passagem de sete meses no tempo.


Fernanda será vista com barrigão por Rudi
Divulgação/TV Record

Na história, ela será vista nas ruas do Rio de Janeiro por Rudi (Petrônio Gontijo). O filho que está esperando deverá ser de Tony (Gabriel Braga Nunes).

“Poder Paralelo” se aproxima de seus momentos finais. A trama de Lauro César Muniz chega ao fim no início do mês de março.