Novas temporadas de “Californication” e “Shameless” estreiam nesta noite

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20120324222555.jpg

Nova temporada de Californication estreia hoje
O canal I-Sat irá estrear nesta noite as novas temporadas das séries “Shameless” e “Californication”. As comédias exibidas serão exibidas, respectivamente, às 22 e 23 horas.
Protagonizada por David Duchovny, “Californication” acompanha a trajetória de Hank Moody (Duchovny), escritor de apenas um livro de sucesso, que sofre uma crise de inspiração. Devido a isso, ele passa a conviver com um vício em álcool e sexo.
Já “Shameless” gira em torno de uma família composta por um pai solteiro e alcóolatra (William H. Macy) e seus seis filhos, que precisam se virar sem a ajuda dele.
NaTelinha
Anúncios

“A profissão me salvou de ser um Tuco”, diz ator de “A Grande Família”

http://desmond.imageshack.us/Himg545/scaled.php?server=545&filename=lucioplanet.jpg&res=medium

Filho de um dos atores mais consagrados do Brasil, Lúcio Mauro Filho, 37, tinha tudo para ficar nas “asas” do pai. Há 11 anos na pele do preguiçoso Tuco em “A Grande Família”, ele revelou que sua vida poderia ter imitado a arte.

“O Tuco é resultado de uma classe grande de pais que mimam os filhos. Eu tinha muita vontade de fazer a minha história. Se eu não tivesse feito isso eu estaria ainda lá, morando com meus pais, como minhas duas irmãs. Elas não são um Tuco, mas representam essa família onde os pais colocam os filhos embaixo das asas”, revelou o ator. “A profissão me salvou de ser um Tuco”, confessou.

Nesta nova temporada de “A Grande Família”, o personagem de Lúcio Mauro Filho virá mais diferente dos últimos 11 anos. Ele agora trabalha como ator em um programa humorístico e é uma subcelebridade.

“É um ano diferente de todos os outros. Para o Tuco é um salto muito importante porque ele é o mais novo da família e carrega o lado irresponsável dela. E isso tinha que mudar”, disse.

Mas apesar das transformações, Tuco continuará solteiro.

“Ele precisava ficar solteiro pra ter mais história. Agora ele vai é ter ciúmes do sobrinho, pois vai deixar de ser o caçula da família. Ele não é mais o rei da cocada preta”, adiantou.

O filho de sua irmã mais velha Bebel (Guta Stresser) e de Agostinho (Pedro Cardoso) agora tem 12 anos e promete aprontar todas com um gênio malandro de ser, bem parecido com o do pai.

A nova temporada de “A Grande Família” estreia no dia 5 de abril. Além de Vinícius Moreno, 13, na pele de Florianinho, a série terá participações especiais de Katiúscia Canoro, como Kely, dona de uma grife onde Nenê (Marieta Severo) irá trabalhar.

Folha.com

Alexandre Avancini dirigirá minissérie sobre José do Egito

https://i1.wp.com/tv.i.uol.com.br/televisao/2011/05/10/o-diretor-de-novelas-alexandre-avancini-1152011-1305061456883_615x300.jpg

A Record escolheu Alexandre Avancini para ser o diretor-geral de sua próxima minissérie, José – De Escravo a Governador, sobre a história de José do Egito, prevista para ir ao ar no primeiro trimestre de 2013.

Avancini dirige atualmente Vidas em Jogo. Ele iniciará os trabalhos com José do Egito algumas semanas após o encerramento da novela, em abril. Antes, Avancini esteve à frente de produções como Caminhos do Coração e Vidas em Jogo.

Escrita por Vivian Oliveira, autora de Rei Davi, a sinopse de José – De Escravo a Governador já está aprovada pela Record.

Segundo Hiran Silveira, diretor de teledramaturgia, a minissérie terá 30 capítulos e custo semelhante ao de Rei Davi, em torno de R$ 25 milhões. Será, portanto, mais uma superprodução, porém com menos cenas de batalhas.

A princípio, as gravações serão todas no Brasil. “A história de José do Egito é uma história forte, mas não exige uma estrutura de produção como a de Davi”, diz Silveira.

Daniel Castro – R7.com

Com episódio inédito, CSI fica entre as séries mais vistas nos EUA

CSI 14demarço Com episódio inédito, <i>CSI</i> fica entre as séries mais vistas nos EUA

Elisabeth Shue, Marc Vann e Ted Danson em episódio de CSI (Foto: Divulgação/CBS)

Fora do ranking dos programas mais vistos dos Estados Unidos há alguns meses, a série CSI voltou a figurar entre as mais assistidas na última semana.

Com episódio inédito, exibido no dia 14, o drama policial da CBS conquistou 11,7 milhões de telespectadores. Ficou em quinto lugar entre os programas mais vistos.

Em alta, os reality shows musicais, nas três primeiras posições, alcançaram juntos um público de quase 50 milhões de telespectadores.

As maiores audiências dos Estados Unidos

Programas mais vistos de 12 a 18 de março, em milhões de telespectadores

Posição Programa Emissora Público
1 American Idol (Quarta) Fox 18.4
2 American Idol (Quinta) Fox 16,0
3 The Voice NBC 14,5
4 NCIS CBS 13,0
5 CSI CBS 11,7
6 Criminal Minds CBS 11,4
7 NCIS: Los Angeles CBS 11,3
8 60 Minutes CBS 10,8
9 Missing ABC 10,6
Modern Family ABC 10,6
Survivor: One World CBS 10,6
12 Bachelor: After Final Rose ABC 9,9
13 Grey’s Anatomy ABC 9,6
The Good Wife CBS 9,6
15 Amazing Race CBS 9,5
16 The Bachelor ABC 9,2
17 Desperate Housewives ABC 9,0
18 Once Upon a Time ABC 8,7
19 Touch Encore Fox 8,6
20 CSI: Miami CBS 8,5

Fonte: Nielsen/USA Today

Daniel Castro – R7.com

Globo só estreará o seriado “Divã” em 2011

O seriado “Divã” não irá mais estrear em 2010. A decisão foi tomada pelo diretor de entretenimento da Globo, Manoel Martins, que ainda não autorizou o início das gravações da trama. A previsão é de que a nova série estreie no primeiro semestre de 2011.

O novo programa, baseado no filme de mesmo nome, será protagonizado por Lília Cabral, que também estrelou a trama nas telonas. O projeto será desenvolvido por José Alvarenga, responsável por projetos como “Mulher”, “Os Normais”, “Minha Nada Mole Vida”, “Força Tarefa” e “Separação”.

Na telinha, a trama deverá ter entre 8 e 12 capítulos. “Divã” conta a história de Mercedes (Lília Cabral), uma mulher casada e com dois filhos que, aos 40 anos, leva uma vida estável. Entretanto, por curiosidade, ela resolve procurar um analista. Com o tempo, a personagem descobre facetas ainda desconhecidas e precisa contar com a ajuda do marido e de uma amiga para superar o momento.

Com informações de O Estado de S. Paulo.

NaTelinha

“A Cura” estreia em alta na Globo

https://i1.wp.com/img.blogs.abril.com.br/1/novidadesdatv/imagens/rede-globo-logo1.jpg

A estreia de “A Cura”, que foi ao ar na noite da última terça-feira (10), obteve altos índices de audiência para a Globo.

Na Grande São Paulo, a série de João Emanuel Carneiro e Marcos Bernstein garantiu média de 19 pontos, um a mais que o último episódio de “Na Forma da Lei”, de Antonio Calmon. Nessa mesma faixa, a Record, com “Ídolos”, teve média de 11 pontos e o SBT, com o “Cine Espetacular”, ficou em terceiro com 9 pontos.

O desempenho de “A Cura” no Rio de Janeiro também foi de 19 pontos de média. Entretanto, a série enfrentou dificuldades para manter a liderança, afinal “Ídolos” teve 16 pontos no mesmo horário. O SBT ficou em terceiro, com 10.

Esses índices são prévios e são baseados na preferência de um seleto grupo de telespectadores da Grande São Paulo, Rio e Baixada Fluminense. Dados consolidados podem variar para mais ou menos pontos.

NaTelinha

Rodrigo Santoro e Lavínia Vlasak viverão casal em nova minissérie da Globo

Rodrigo Santoro e Lavínia Vlasak estão confirmados no elenco da minissérie “Afinal, o Que Querem as Mulheres?”, desenvolvido por Luiz Fernando Carvalho, João Paulo Cuenca e Cecília Giannetti.

Na história, baseada no famoso questionamento de Freud, os personagens André Newman (Michel Melamed) e Lívia (Paola Oliveira) formarão um casal bem sucedido, que terá suas histórias transformadas em livro e filme. Caberão a Rodrigo Santoro e a Lavínia Vlasak representar o casal no fictício longa.

As gravações da série serão iniciadas nessa semana em uma locação no bairro de Copacabana. O programa tem previsão de estreia para o mês de setembro.

Esse será o segundo trabalho de Lavínia Vlasak após sua volta à Rede Globo. Antes disso, ela participou de “A Vida Alheia”, de Miguel Falabella. Nos últimos anos, a atriz esteve na Record, onde atuou nas novelas “Prova de Amor” (2005) e “Vidas Opostas” (2006). Já Rodrigo Santoro volta à tela da Globo depois de participar de “Som & Fúria” (2009), trama que não foi renovada para uma segunda temporada.

Com informações de O Dia

https://i1.wp.com/a1.twimg.com/profile_images/228763076/pequeno_normal.gif

Filho de Roberto Gómez Bolaños, o “Chaves”, diz que ator não entrou com processo contra “Chiquinha”; atriz desmente

Roberto Gómez Bolaños, o intérprete do personagem mexicano Chaves, não está processando sua ex-colega de elenco, Maria Antonieta de Las Nieves, que deu vida à Chiquinha no programa. A informação foi confirmada pelo filho do ator, Roberto Gómez Fernández, em entrevista ao site Notimex.

Segundo ele, seu pai não tem nenhuma pretensão de voltar a abrir um processo contra a atriz. Desde 1995, Maria Antonieta conquistou os direitos de uso da personagem, e devido ao difícil relacionamento entre ambas as partes, desde então Roberto Bolaños foi proibido de vender a imagem da personagem para a fabricação de brinquedos baseados na série e até mesmo de incluir Chiquinha no desenho animado.

Apesar de negar a disputa dos tribunais, o filho do comediante não esconde a decepção pela perda dos direitos da personagem. “Nós somos os mais afetados com isso porque não podemos fazer uso dessa personagem sem prévia autorização. Na troca de ‘favores’, ninguém nunca cede e acabamos sempre na estaca zero”.

A versão é contestada por Maria Antonieta, que revelou que as brigas na justiça continuam. “Não tenho tempo, nem dinheiro para ficar pagando advogados. Isso afeta meu sistema nervoso, me sinto inquieta. Meu advogado me disse que eles voltaram com o processo e eu não tenho forças para continuar. Não sei até quanto tempo terei direitos sobre a Chiquinha”, teme.

Circula na imprensa mexicana que ambas as partes tentam negociar um acordo em sigilo, para evitar novas desavenças na mídia.

https://i1.wp.com/a1.twimg.com/profile_images/228763076/pequeno_normal.gif

GNT estreia nesse sábado o seriado “Justiça Criminal”

O seriado “Justiça Criminal” passa a ser exibido nesta noite (10) na TV paga brasileira. A série, protagonizada por Maxine Peake, será veiculada pelo canal GNT. O programa gira em torno de Juliet Miller, uma mulher casada, que sofre de depressão e possui uma filha adolescente.

Porém, o assassinato de seu marido transformará a sua vida, já que ela passa a ser a principal suspeita, principalmente devido a suas atitudes estranhas. Uma delas é que no dia do assassinato foi ela quem ligou para a emergência, entretanto, depois disso Juliet desaparece do lugar e sua filha remove a faca usada no crime, prejudicando as investigações. As atitudes de Juliet despertam a desconfiança de seu advogado, que teme por sua sanidade.

“Justiça Criminal” é um seriado inglês de apenas cinco episódios. O programa, produzido pela BBC e elogiado pela crítica britânica, estreia hoje (10), às 20h, no canal GNT.

NaTelinha

Roberto Gómez Bolaños, intérprete de “Chaves”, está com depressão

https://i2.wp.com/ofuxico.terra.com.br/admin/smarty/templates/img_upload/2008/07/RobertoGomezBolanos-333-grosby-210708.jpg

De acordo com informações do site da rede mexicana Televisa, o interprete do personagem “Chaves”, Roberto Gómez Bolaños, está com depressão.

Bolaños realizou recentemente várias cirurgias para evitar algumas doenças, dentre elas o câncer de próstata. Segundo o canal, ele sofreu algumas sequelas e agora está com dificuldades de andar e falar.

Em entrevista a rede, seu filho, Roberto Goméz Fernandez, revelou que o pai sofre com a depressão, pois não consegue ter mais a agilidade de antes. O interprete de “Chaves” tem 81 anos e é casado com Florinda Meza, atriz que interpretou Dona no Florinda.

Processo contra “Chiquinha”

O ator Roberto Gómez Bolaños, o Chaves, voltou a processar María Antonieta de las Nieves, a Chiquinha, pelos direitos de sua personagem.

“Vou continuar lutando por meu direito. Preciso seguir trabalhando para pagar os advogados no processo”, comentou a intérprete de Chiquinha.

A briga entre os atores começou em 1995 quando Roberto Gómez Bolaños processou María Antonieta por ter registrado a personagem Chiquinha em seu nome. Bolaños se diz criador do seriado “Chaves” e dos personagens que lá ganharam fama mundial.

NaTelinha

Criadores de “Smallville” entram com ação contra a Warner

Os criadores do seriado “Smallville”, Alfred Gough e Miles Millar, entraram na justiça contra a Warner, tentando obter maior participação nos lucros da série. Os dois alegam que a Warner Bros. Television pratica uma política de venda dos direitos da trama que prejudica os ganhos que os produtores teriam sobre a série.

Criadores de “Smallville” entram com ação contra a Warner

Eles acusam a Warner Bros. de vender os direitos de exibição do seriado para emissoras afiliadas da rede CW por um valor muito abaixo do mercado, o que faz com que os ganhos da equipe do programa sejam muito pequenos. Além disso, eles acusam a Warner de usar “Smallville” para conseguir vender outras séries de menor valor no mercado, o que diminuiria ainda mais a participação deles nos lucros da trama. Esse formato de venda é chamado de “comercialização vertical”, onde o estúdio perde dinheiro na venda dos direitos de determinada trama, mas ganha a possibilidade de exibir vários de seus produtos em mais emissoras, arrecadando mais receitas publicitárias.

Segundo o site The Hollywood Reporter, o valor da indenização preterida por Gough e Millar não foi divulgado, mas atinge a casa das dezenas de milhões de dólares.

Band troca “E-24” por “A Liga”

Previsto para estrear no dia 4 de maio, às 22h15, na Bandeirantes, o “A Liga” é visto, internamente, como um dos principais lançamentos da emissora para a atual temporada. Produção da Cuatro Cabezas, a mesma do “CQC”.

É definido como jornalístico, mas procura mostrar com humor, drama e dose de acidez várias maneiras de se contar ao público uma mesma notícia.

A edição do material que já existe respalda esse otimismo.

O “A Liga” tem uma produção complexa, envolve pesquisas e o ritmo é sempre muito puxado.

No entanto, já existe uma boa frente de gravações.

As atrizes Tainá Muller e Rosanne Mulholland estão no elenco, a exemplo de Rafinha Bastos, Débora Vilalba e o rapper Thaíde.

Há, repito, uma boa expectativa em torno.

Durante a exibição de “A Liga”, o programa “E24” – sobre fratura exposta, acidentes de moto, ferimentos por arma de fogo e outros do gênero – não será apresentado pela Band.

Mas, dizem, não está descartado. Poderá voltar no segundo semestre.

Rapidinhas (29/03)

Seriado
A Record adquiriu os direitos de exibição da série “Assombrações” – “A Haunting”, no original.

Os episódios incluem narrações e encenações dramáticas com base em relatos de encontros paranormais e experiências do gênero.

Produção do Discovery.

Esquema armado
No período de 70 dias, antes e durante a Copa do Mundo, Pelé irá apresentar os seus boletins no SBT. Um minuto de duração cada, distribuídos ao longo da programação.

Além disso, estão previstas participações no telejornal “SBT Brasil”, algumas daqui e outras de lá.

Por causa dos seus compromissos, o ex-jogador não poderá ficar o tempo todo na África do Sul.

Utilidade pública

Em “Viver a Vida”, servindo-se da personagem Luciana, vivida pela Alinne Moraes, a Globo não fez ação de merchandising quando apresentou um carro especialmente adaptado para cadeirantes.

Até deveria ter feito. Seria absolutamente normal e aceitável.

Mas a quem interessar possa, foi um Doblô, da Fiat.

Desenlace

Não é muito o campo desta coluna, mas também não deixar de ser uma informação:

Viviane Senna não está mais namorando o empresário Arthur Briquet.

Lançamento
Vera Viel, modelo, mulher do Rodrigo Faro, apresentador e ator da Record, pretende entrar com os dois pés na televisão.

As primeiras novidades a respeito podem ser anunciadas ainda no decorrer desta semana.

Tom na Hebe
O programa da Hebe Camargo, nesta segunda, no SBT, tem anunciadas as presenças de Tom Cavalcante -– liberado pela Record -, Eliana, Maurren Maggi e a dupla Bruno e Marrone.

Começa às 23h15.

Simples assim
Quando o assunto é trilha sonora, a Globo não brinca.

Aposta na certeza.

Como tema de todas as cenas do Humberto Martins e Jayme Matarazzo, em “Escrito nas Estrelas”, próxima das 6, foi escolhida a música “Pai”, do Fábio Junior.

Uma regravação feita especialmente para a novela.

Títulos
Na Bandeirantes, a série “Dark Angel”, com Jessica Alba, vai levar o título de “Gangues da Noite”.

E “Burn Notice”, com Jeffrey Donovan, vira “Queima de Arquivo”.

As duas estreiam em maio.

Tesoura
A novela “Vivendo o Amor” – “Cuidado Con El Angel”, no original -, próximo trabalho da Record em parceria com a Televisa, recebeu classificação livre do ministério da Justiça.

Certamente a autora Margareth Boury, no seu trabalho de adaptação, rifou as cenas impróprias, o que permitirá a exibição em qualquer horário.

Trabalho sério

Amaury Junior gravou material suficiente na África do Sul para ficar no ar, em seus programas na Rede TV!, até a Copa do Mundo.

E a exemplo do que aconteceu com a Alemanha, em 2006, dentro de mais alguns dias ele irá anunciar o lançamento de um DVD, como um guia e todas as dicas dos locais que irão sediar jogos do mundial.

C´est fini
Eduardo Menga ainda não pode revelar os nomes, mas adianta que trouxe dos EUA dois filmes para rodar aqui.

Um do Edward Pressman, com mais de 80 trabalhos no currículo, e o outro do Sean Stone, filho do Oliver Stone. Pela ordem, cinema primeiro. Depois TV, DVD e Blu-ray.

Sob encomenda para o “Jornal Nacional”, a Globo desenvolve um projeto especial para a cobertura das eleições.

Mas a emissora evita entrar nos maiores detalhes. Teme o olho comprido de uma concorrente.

Luciana Gimenez e Marcelo Carvalho em férias. Agora no Egito.

FLAVIO RICCO

Band altera títulos de séries estrangeiras

Agora com um razoável pacote de filmes e séries a sua disposição, a Band já começou a trabalhar na divulgação de seus novos produtos. Antes de definir horários, a emissora optou por adaptar os títulos para facilitar a interpretação do público e viabilizar as atrações comercialmente.
“Dark Angel” se chamará “Gangues da Noite” na Band
Divulgação
“Dark Angel”, protagonizada por Jessica Alba, no Brasil levará o nome de “Gangues da Noite”. Já “Burn Notice”, estrelada por Jeffrey Donovan, se chamará “Queima de Arquivo”.
Segundo a coluna Canal 1, ambas produções tem estreias agendadas para maio.

Globo exibirá o seriado “Flash Forward” na TV aberta

A Rede Globo adquiriu os direitos de exibição do seriado “Flash Forward”, porém ainda não revelou quando e em que horário a trama será exibida. Na TV paga brasileira, a série da rede ABC é veiculada pelo canal AXN.

Série será exibida pela TV Globo, que ainda não divulgou data e horário de estreia
Divulgação/ABC

“Flash Forward” vive um momento complicado nos Estados Unidos. A série, que estreou apontada como a possível substituta de “Lost”, naufragou em audiência e chegou a ter sua exibição suspensa pela ABC. O seriado retornou à grade da emissora na última quinta (18), porém continua rendendo baixos índices, o que aumenta os boatos de que a trama não passará da primeira temporada, prevista para chegar ao fim em maio.

A série acompanha vários personagens após a humanidade sofrer um desmaio coletivo e simultâneo por 2 minutos e 17 segundos. Após acordarem, os personagens percebem que tiveram uma visão sobre suas vidas daqui a seis meses. Porém, alguns ficam impressionados por não ter tido nenhuma visão, e acreditam que estarão mortos daqui a seis meses, já outros farão de tudo para evitar que a visão se torne realidade.

Fonte: NaTelinha – UOL

Mesmo superada, “Turma do Didi” continua na grade da Globo

Programa liderado por Renato Aragão (foto) está  garantido na grade da TV GloboPrograma liderado por Renato Aragão (foto) está garantido na grade da TV Globo

Nem sempre tudo funciona como a TV Globo deseja. Alguns dos seus problemas, como das outras emissoras e dos simples mortais, às vezes se mostram complicados e não encontram soluções. Situações, enfim, que se colocam acima do que é possível.

Um novo programa para o Renato Aragão pode ser o exemplo da vez.

O superado “A Turma do Didi”, dependesse unicamente da vontade do alto comando global, já seria coisa de arquivo. Não estaria nos planos da grade deste ano. Antes de tudo, via-se como algo de extrema necessidade um projeto novo para o comediante e que de alguma forma pudesse fortalecer o começo das tardes dos domingos.

Só que, passados cerca de oito meses de conversa, rigorosamente nada de mais interessante foi encontrado para ocupar o seu lugar. Nenhuma das ideias apresentadas acabou vingando.

“A Turma do Didi”, do jeito que sempre foi, e na falta de melhor opção, está garantida na nova grade a partir de abril.

Novidades se existem, estão definidos uma outra edição do seriado “Acampamento de Férias” em julho, e o especial de 50 anos do personagem “Didi” em novembro.

Rapidinhas (19/03)

O que acontece?

Jorge Rodrigues Jorge/CZN Tiago Santiago, autor do remake “Uma Rosa com Amor”

O SBT viveu ontem uma tarde até certo ponto nervosa em função da presença na emissora de David Grinberg e Daniel Scherer, diretores que foram dispensados do departamento de novelas após a contratação de Del Rangel.

Oficialmente, eles estiveram lá para visita de cortesia ao diretor de produção Leon Abravanel e o tema retorno não entrou na pauta.

No entanto, como “Uma Rosa com Amor” ainda não decolou, isso bastou para o setor de teledramaturgia entrar em convulsão. Todos fazendo as suas apostas.

E, graças ao “milagre do telefone”, o atual titular, Del Rangel, que gravava no Guarujá, foi informado de tudo, o tempo todo, em tempo real.

Tempo ao tempo.

Tudo certo
Está confirmada a participação do padre Hewaldo Trevisan em “Viver a Vida”.

Como ator, ele irá celebrar o casamento dos personagens Luciana e Miguel, vividos por Alinne Moraes e Mateus Solano.
Agora não

Marcos Pinto/UOL A modelo, atriz e apresentadora Fernanda Lima

A Globo informa: “Amor e Sexo”, programa da Fernanda Lima, continua nos planos. Terá novas edições este ano.

Mas só no segundo semestre.

Revezamento
Com a saída do Cleber Machado do “Arena”, programa do canal SporTV, Milton Leite e Maurício Noriega ficam responsáveis pela sua apresentação.

Por enquanto, só os dois, na base do dia sim, dia não.

De qualquer maneira, ainda se discute a possibilidade do Cleber aparecer de vez em quando.

Passo errado
Dentro do próprio SBT, há uma oposição forte ao jornal policialesco “Boletim de Ocorrências”, primeira edição, às 19h.

Entende-se que a chance de superar a Record e a Bandeirantes no horário, com o mesmo tipo de produto, é próxima de zero.

Turma
Sérgio Marone e Marcos Pasquim, de “Caras & Bocas”, deverão estar no próximo trabalho de Walcyr Carrasco, na Globo, na faixa das 19 horas.

Pelo menos esse é o desejo do autor.


Não confirma

Fábio Nunes/BandAdriante Galisteu, apresentadora

Rolou um papo na Bandeirantes que Elisabetta Zenatti, ex-diretora do Artístico, poderia assumir o novo programa de Adriane Galisteu nas noites de terça.

A assessoria da emissora nega. Nos bastidores, fala-se inclusive numa distância regulamentar entre as duas.

Fim de linha
Chegou ao fim o contrato de Ana Lucia Torre na Globo. Foram, durante muitos anos, dezenas de trabalhos e o mais recente em “Caras & Bocas”.

Agora ela está na expectativa de um novo chamado.

Semana Santa
Nos dias 1º e 2 de abril, às 22h15, a Bandeirantes vai exibir “Paixão de Cristo”, série em dois episódios co-produzida por BBC e HBO.

A história é contada de três pontos de vista diferentes: as autoridades religiosas, os romanos e Jesus Cristo.

Equipe escalada
O canal BandSports também já tem definidos os seus profissionais para a cobertura da Copa do Mundo na África.

Uma equipe pequena, mas competente: Silvio Luiz, Mauro Silva, Mauro Beting, Fábio Piperno e Willian Lopes.

Coluna do meio

Divulgação/RecordA jornalista Ana Paula Padrão

Numa coisa o “Jornal Nacional” e o “Jornal da Record” empatam rigorosamente: a classe e competência de suas apresentadoras, Fátima Bernardes e Ana Paula Padrão.

Impressionante a fase das duas.

Assunto proibido
O que ninguém pode falar em “Viver a Vida”, na Globo, é a provável morte de um dos gêmeos, Jorge e Miguel, interpretados pelo bom ator Mateus Solano.

Manoel Carlos, sempre muito atencioso com todos, sobre o tema em questão mandou dizer que não vai se manifestar. Mas de jeito nenhum.

Agradecimento
Dia seguinte a realização da Indy em São Paulo, o número um da Band, Johnny Saad, fez questão de distribuir um e-mail aos seus funcionários, agradecendo o empenho de todos.

Considerou como vitória da equipe.

C’est Fini
O programa do Gugu, na Record, nas últimas semanas, tem mostrado vários artistas que passaram recentemente pelo “Qual é o seu talento?”, do SBT.

E além de apostar nesse pessoal, a Record, na quarta-feira, tirou uma produtora do “QST”, Ane Alves, que estava na Anhanguera desde o primeiro “Ídolos”.

Ela é o novo reforço do “Gugu” e irá selecionar candidatos para a atração.

E acho que chegou ao fim aquela brigaida toda. A Record está novamente fornecendo os números do Ibope.

Resta saber se depois daquele entrevero aconteceu alguma coisa diferente. Mudou o Ibope ou mudou a Record?

Fox estreia oitava temporada de “24 horas” nesta noite

O canal Fox estreia nesta noite o oitavo ano do seriado “24 horas”. A nova temporada é ambientada na cidade de Nova York. Nela, o presidente da república, Allison Taylon negocia em missão de paz no Oriente Médio com o líder Omar Hassan.


Oitavo ano da série, que estreia hoje na TV paga, é ambientada em Nova York
Divulgação/Fox

A nova Unidade Contra Terrorismo (CTU) agora é formada por Brain Hastings (Mykelti Williamson), Chloe OBrian (Mary Lynn Rajskub), Arlo Glass (John Boyd) e Cole Ortiz (Freddie Prinze Jr.). A atriz Annie Wersching (Renée Walker) retorna à trama na oitava temporada.

Assim como nos anos anteriores, Jack Bauer terá que enfrentar uma nova ameaça em sua rotina de trabalho. O oitavo ano poderá ser o último da série, já que até o momento a Fox americana ainda não anunciou a continuidade da trama.

O episódio de estreia vai ao ar hoje (16), às 23h, no canal Fox.

Britney Spears virá ao Brasil em maio para participar de seriado

A cantora Britney Spears deverá vir ao Brasil no mês de maio. Porém, a loira não realizará um show em terras brasileiras. De acordo com a coluna Gente Boa, do jornal O Globo, ela participará de um episódio da trama “Rio!”, que está sendo produzida por Scott Steindorff e será oferecida para as emissoras americanas e, posteriormente, brasileiras. Não será a primeira vez que a cantora vem ao país. Em 2001, ela fez um show no Rock In Rio 3 e causou polêmica após cantar com playback.


Cantora virá ao Brasil para gravar participação no seriado “Rio!”

A série, que já teve cenas rodadas no final do ano passado nas praias cariocas, será protagonizada por Jason Lewis, de “Sex and the City”. O programa mostrará casos fictícios de investigação e solução de crimes praticados no Estado do Rio de Janeiro. Além disso, a trama focará nas belezas naturais da cidade maravilhosa além de abrir espaço para a população local.

“Cold Case” substituirá “Smallville” no SBT

O SBT escalou “Cold Case” para substituir “Smallville” na faixa de séries das 21h. A escolha visa recuperar a audiência perdida para a Record, que recuperou o segundo lugar com “CSI”, série do mesmo gênero de sua nova estreia.


Divulgação

“Cold Case” conta a história de investigadores de uma seção policial que retomam casos do passado em busca de soluções. A estreia ainda não foi agendada mas deverá ocorrer dentro das próximas semanas.

Band apresenta casal de anjos de sua nova sitcom

A Band já definiu a dupla que interpretará o casal de anjos do novo sitcom da emissora, “Anjos do Sexo”, que começa a ser gravada no dia 22 de março. Os papeis serão vividos por Carolina Aguiar e Orã Figueiredo, que já fizeram a primeira prova de figurino de seus personagens.


Dupla viverá casal de anjos em sitcom da Band
Divulgação/Band

Porém, a emissora corre contra o tempo para escolher um ator negro que viverá Deus na história. A previsão da Band é estrear “Anjos do Sexo” em abril, no horário nobre. As filmagens serão realizadas no Rio de Janeiro. Na trama, a dupla de anjos desce do céu para ajudar casais a resolverem os problemas conjugais e sexuais.

Com informações do jornal Extra.

“Gossip Girl” deixará de ser exibido no Warner Channel

Depois de o SBT desistir de veicular a segunda temporada do seriado “Gossip Girl” e substituir a série por “Smallville”, agora foi a vez do Warner Channel anunciar que suspenderá a exibição do programa.


Série fiasca no Brasil tanto na TV aberta como na fechada
Divulgação/CW

A trama, que é exibida aos domingos, está em sua terceira temporada na emissora. Porém, o canal ainda não definiu a partir de quando a veiculação será suspensa, por isso, não divulgou até qual episódio do terceiro ano será transmitido.

A decisão foi tomada após o seriado ser mudado várias vezes de horário, por não alcançar a audiência mínima exigida pela emissora. Porém, a direção de programação do Warner Channel estuda dar uma nova chance para “Gossip Girl” em junho, quando pretende exibir a trama desde sua primeira temporada, em dia e horário a serem definidos.

Seriado “Chaves” pode ganhar remake na Argentina

De acordo com o site da editora Abril, o seriado mexicano “Chaves” pode ganhar um remake.


Fontes afirmaram que em 2009, atores argentinos fizeram testes para integrar o elenco do novo “Chaves”. O remake ainda é mantido em segredo e não há notícias oficiais sobre ele.

“El Chavo del Ocho”, nome em espanhol do seriado, foi produzido durante muito anos pela rede Televisa. Ainda faz muito sucesso em toda a América Latina, principalmente no Brasil, onde é exibido pelo SBT há mais de 20 anos.

Atualmente, Roberto Gomes Bolaños é um dos principais diretores da Televisa no México e a TV mexicana produz o desenho animado do Chaves.

Betty aparece com novo visual em “Ugly Betty”

A série “Ugly Betty” já se aproxima de sua reta final nos Estados Unidos, após não ser renovada para uma nova temporada pela rede ABC, e a protagonista Betty Suarez (America Ferrera) já começa a alterar seu visual na trama.


Betty aparece sem aparelhos nos dentes e com novo óculos
Foto: RTE Entertainment

Depois de passar a se vestir melhor, agora será a vez de a ex-feiosa deixar de usar o aparelho nos dentes e trocar de óculos, que agora terá uma armação bem mais discreta. Nesta semana, a atriz foi fotografada em Nova York enquanto gravava cenas da reta final da história, ao lado das atrizes Ana Ortiz (Hilda) e Becki Newton (Amanda).

O último episódio da trama está previsto para ser exibido em abril nos Estados Unidos. No Brasil, a trama é veiculada pelo canal Sony.

Longe das novelas há cinco anos, Lúcia Veríssimo diz que ritmo de gravações piorou e que pretende escrever seriados

Lúcia Veríssimo está afastada das novelas há cinco anos, quando interpretou Gil em “América”. Com 30 anos de TV Globo, a atriz resolveu dar uma pausa na carreira televisiva para se dedicar ao teatro e aos projetos de preservação do meio-ambiente. Atualmente, a atriz administra uma fazenda auto-sustentável. “Foram anos me dedicando a TV. Nesse período deixei de lado o teatro, que é o local ideal para o ator se reciclar. Resolvi voltar aos palcos, depois que o ator Rafael Calomeni me deu a sugestão de desenvolver minha própria peça”, disse a atriz em entrevista a Amaury Jr.


Lúcia em seu último papel nas novelas globais, a Gil de “América”
Divulgação/TV Globo

Outro fator que levou Lúcia a largar a TV nos últimos anos foi a mudança no ritmo de gravação das novelas. “Sempre vesti a camisa da Globo. Porém o processo de gravação das novelas mudou. Antigamente tínhamos um escritor, um diretor e gravávamos com 15 capítulos de antecedência. Hoje, são cinco diretores, vários escritores, e gravamos cenas que vai ao ar no dia seguinte. Sempre questionei isso, mas os diretores me respondiam que atualmente um capítulo de novela possui muito mais cenas que antigamente”, lamenta.

Para 2010, a atriz revela que pretende dar continuidade a sua peça “Usufruto” e que tem vontade de escrever minisséries e seriados para a TV. Ela, que se diz fã de tramas como “Brothers & Sisters”, “Dexter” e “Família Soprano”, lamenta a falta de interesse neste tipo de produção no Brasil. “Sou fissurada em seriados americanos. Pena que aqui no Brasil as emissoras investem muito pouco em séries”.